quinta-feira, 19 de abril de 2018

PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE GUAMARÉ “LULA” CONTRATA CAMINHÃO PIPA POR R$ 7.840,00


“Quem está a errar constantemente, é porque não tem a responsabilidade de se cobrar constantemente.” Tavera

O erro é uma consequência de uma ação inesperada, sem planeamento ou conhecimento. Também pode ser uma falha humana. Se dizem que errar é humano, eu digo que errar constantemente é sinal de irresponsabilidade.

E digo isto porque o erro, ao mesmo tempo em que é uma falha, também é um professor pra muitos, pois ensina-nos lições preciosas para a vida, para que, mais à frente, não venhamos novamente a cometê-lo.

Mas, será que é possível prevenir a ocorrência do erro? Talvez não do primeiro, mas, certamente do segundo, terceiro, e assim sucessivamente, pois, assim que você se começa a policiar, ou seja, a assumir a responsabilidade pelos seus próprios erros, seja estes grandes ou pequenos, são erros, e se cobrar-se constantemente, conseguirá evitar que os mesmos ocorram novamente.

Pois bem…

O Presidente da Câmara Municipal de Guamaré contratou por dispensa de licitação a empresa FRANCISCO EUZEBIO – CNPJ: 29.584.397/0001-98 por R$ 7.840,00 (Sete mil oitocentos e quarenta reais); para o fornecimento de água potável através de caminhões pipa para abastecer o prédio da câmara Municipal e seus anexos. A publicação da contratação já está disponível no Diário Oficial da FERMURN.

O estranho desta contratação é que não está faltando água da Caern nas torneiras do legislativo, nem no município de Guamaré, devido às constantes chuvas, o nível do rio Assú aumentou consideravelmente nos últimos meses, isto fez com que o abastecimento de água potável chegasse normalmente através da adutora até Macau e Guamaré, o presidente parece ter errado neste calculo.

Outro fato que chama atenção, é que não há razões para a Câmara Municipal gastar tanta água potável, tendo em vista que só está sendo realizada uma ou duas sessões por mês no legislativo. Há sempre uma justificativa por parte do presidente, ou há comum acordo entre os pares da oposição e situação para a não realização das sessões ordinárias, bem diferentes das sessões extraordinárias que estão sendo realizadas à surdina sem o conhecimento público.

O mais estranho…

Dos R$: 24 milhões do orçamento destinado para Câmara Municipal de Guamaré para o biênio 2017/20018, que o Presidente Emilson de Borba (LULA), administrará até dezembro deste ano. Este valor mencionado da publicação do carro pipa pelo o portal seja talvez considerado pouco, mas não é, é dinheiro público e precisa ser apurado, pois a JUSTIÇA já afastou um presidente da própria Câmara Municipal de Guamaré no de 2010, por improbidade administrativa por ter contratado um carro pipa sem nenhuma necessidade, segundo a acusação.

Há quem afirme nos bastidores da câmara que a denúncia foi articulada pelo o vereador Emilson de Borba (LULA), que ocupava na legislatura a vice-presidência da Câmara Municipal. A Ação Civil Pública foi ajuizada pela Associação SEMPRE – Amigos de Guamaré, uma vez que o Presidente da época se negava a colocar em pauta para votação requerimento dos vereadores que objetivava a abertura de investigação contra supostos desvios de verbas públicas que teriam sido praticados com a contratação de um carro pipa.

Nenhum comentário: